fbpx

Brasil / Além da crise de saúde e econômica, Bolsonaro cria uma crise política

É inacreditável e estarrecedor. Em um ato em que manifestantes pediam a volta do AI 5, como se realmente eles soubessem oque foi o Ato Institucional 5, o presidente da Republica, Jair Bolsonaro subiu na caçamba de uma caminhinete e gritou, abrindo um discurso repléto de baboseiras e chavões delirantes, “Eu estou aqui, por que acredito em vocês e vocês estão aqui por que acreditam no Brasil”.

Isso significa de forma clara o apoio do presidente a algo que fere diretamente a constituição; um ditadura.

Bolsonaro com isso, decidiu jogar suas cartas na mesa, chamando um conflito entre os militares, que já não se encontram de acordo com o governo, principalmente por conta da condução do presidente frente a pandemia do Corona Virus.

Ainda mais do que isso, quando um presidente apoia um ato como esse, ele se mostra favorável ao fim das instituições, ele se coloca como liderança de um grupo que quer o fim dos Supremo Tribunal Federal, da Câmara dos Deputados e do Senado, ou seja, é contra a Democracia.

Isso é base para um pedido de impedimento do presidente.

Enquanto precisamos de soluções para enfrentar uma crise mundial, que engloba a saúde e a ecônomia, Bolsonaro, fica procurando motivos para subir no palanque e criar uma crise interna.

Nós do PT estamos decididos a ser propositivos e batalhar pelo povo, independente da briga institucinalizada dentro da direita, que se mostra muito despreparada para enfrentar e conduzir o país, neste momento.

Eu apresentei, Indicações e Projetos de Lei, pensando em todos aqueles que estão vulneráveis neste momento. Meu Projeto de Lei, indica ações diretas de atendimento aos profissionais da saúde, desde os médicos até os seguranças e motoristas de ambulância, assim como propostas que exigem testes da Covid-19 para toda a população de forma gratuíta, isenção de taxas e impostos para diversos seguimentos, assistência a moradores de rua, pequenos empreendedores, desempregados e mulheres, de forma econômica e social.

Neste momento precisamos de boas propostas e respeito a democracia, precisamos de ações que vão de encontro com a necessidade da sociedade e não uma nova crise política interna.

O Jornal americano Washington Post, fez uma matéria a qual concluem que Bolsonaro é o pior lider mundial neste momento e Bolsonaro apenas confirma sua fama.